Sistema Eletrônico de Administração de Conferências, COBRAC 2018

Tamanho da fonte: 
PARCELAS E OBJETOS TERRITORIAIS: UMA PROPOSTA PARA O SINTER
Adolfo Lino de Araújo

Última alteração: 2018-10-31

Resumo


O tema Gestão Territorial no Brasil tem sido destaque nos últimos anos por diversas razões, que passam por atualização profissional e tecnológica, difusão de conhecimento cadastral, convergência normativa, mas, sobretudo pela criação do Sistema Nacional de Gestão de Informações Territoriais – SINTER. Este tem sido o principal elemento de discussão sobre Cadastro e, a partir de sua publicação, abre-se um novo campo de possibilidades para uma elaboração de um sistema cadastral viável à estrutura legal e fundiária brasileira. O presente artigo visa a contribuir com as discussões apresentando uma definição conceitual de parcelas e Objetos Territoriais que possa se adequar tanto ao SINTER como ao Cadastro. A proposta é o resultado das contribuições coletivas do grupo de professores do Instituto Federal de Santa Catarina, cujas teses e dissertações abordam o tema Cadastro Territorial, e representa a visão de cadastro compartilhada pelo grupo que pode vir a ser implantada no Brasil.

Palavras-chave


Cadastro; SINTER; Gestão Territorial; Parcelas; Objetos Territoriais

Texto completo: PDF